PÉSSIMA CAMPANHA

Ruim para os dois: com muita transpiração e pouca criatividade, Sampaio Corrêa e Vila empatam em 0 a 0

Sobrou transpiração no duelo entre Sampaio Corrêa e Vila Nova, no Castelão. Mas faltou muita, muita criatividade. O jogo...

Sobrou transpiração no duelo entre Sampaio Corrêa e Vila Nova, no Castelão. Mas faltou muita, muita criatividade. O jogo justificou o mau momento que as duas equipes vivem – apesar da distância entre elas na tabela. Ruim para o Tigre, que se afasta do G-4, pior para o Tubarão, que se afunda ainda mais na zona de rebaixamento.

PRIMEIRO TEMPO

Foram poucas oportunidades, mas o Sampaio Corrêa se saiu melhor. Apesar da dificuldade em criar boas jogadas, o time da casa conseguiu ao menos três boas chances, sendo que, em duas delas, o goleiro Mateus Pasinato falhou bisonhamente. Já o Tigre só assustou uma vez, no primeiro minuto de partida, em conclusão de Maguinho.

SEGUNDO TEMPO

O Tricolor voltou melhor, mas não conseguiu traduzir a atuação em bola na rede. Pasinato, que não fora bem nos 45 minutos iniciais, passou a salvar o Vila em várias oportunidades, principalmente nas conclusões de longe de Jocinei, que arriscava de onde a bola chegasse. No fim, Juninho ainda teve excelente chance, mas livre, na marca do pênalti, isolou.

VER COMENTÁRIOS

Artigos relacionados