TREINAMENTO

Servidores da ALEMA participam de capacitação sobre Auditoria Governamental

Servidores da Assembleia Legislativa e de outros órgãos públicos do Estado participam, nesta segunda (11) e terça-feira (12), de...

Servidores participam de capacitação sobre Auditoria Governamental

Servidores da Assembleia Legislativa e de outros órgãos públicos do Estado participam, nesta segunda (11) e terça-feira (12), de um curso de atualização sobre Auditoria Governamental. O evento acontece no Plenário Gervásio Santos (Plenarinho), das 8h às 18h. O objetivo é preparar o profissional de auditoria a realizar a tarefa em consonância com a metodologia mais avançada, por meio da apresentação da base teórica, exercícios e estudos de caso.

O curso reúne 50 servidores que atuam em auditoria e controle interno de diversos órgãos e entidades públicas do Estado e do Município, entre eles a Assembleia Legislativa, a Secretaria de Estado da Saúde, a Casa Civil, a Controladoria Geral do Município e a Empresa Maranhense de Serviços Hospitalares (Emserh). A iniciativa é da Secretaria de Estado da Transparência e Controle (STC).

“Trabalhamos auditando e acompanhado os órgão do Executivo do Estado, para melhor aplicação do erário público. E, uma forma que temos de melhor conduzir isso, é capacitando os servidores. Muitas dúvidas e questionamentos que chegam para a gente são resolvidos quando os servidores fazem parte de uma capacitação desse nível”, disse Adaltina Venâncio de Queiroga, secretária-adjunta da STC.

O procurador geral da AL, Tarcísio Araújo, falou da expectativa para o curso, que deve ajudar a obter melhores resultados na atividade de controle. “A Assembleia teve direito a duas vagas para participar desse curso de atualização. A expectativa é a melhor possível, porque é um tema cuja legislação muda com frequência e, por isso, precisamos sempre nos reciclar. Nós trabalhamos com controle interno na Casa e a determinação do presidente é que esse trabalho seja feito da forma mais transparente possível”, ressaltou.

O treinamento é conduzido pelo auditor do Tribunal de Contas da União (TCU), Ismar Barbosa Cruz, e inclui legislação e jurisprudência, com exemplos de práticas que devem ser adotadas ou evitadas. “É um trabalho que visa combater a corrupção, dando maior transparência aos gastos públicos”, destacou o auditor do TCU.

VER COMENTÁRIOS

Artigos relacionados