Policial e morador morrem em tiroteio na Favela da Rocinha, no Rio

Um policial militar e um morador da Rocinha morreram na noite dessa quarta-feira (21) durante um tiroteio na comunidade....

Um policial militar e um morador da Rocinha morreram na noite dessa quarta-feira (21) durante um tiroteio na comunidade. O policial militar Felipe Santos de Mesquita foi atingido no abdômen e chegou a ser levado para o Hospital Municipal Miguel Couto, mas não resistiu ao ferimento.

Antônio Ferreira, morador da comunidade de 70 anos e conhecido na Rocinha como Marechal, foi atingido no rosto durante a troca de tiros. O tiroteio aconteceu na localidade do Largo do Boiadeiro. Por conta disso, o Túnel Zuzu Angel, que liga São Conrado ao Leblon e passa sob o maciço da Rocinha, chegou a ficar interditado.

PMs mortos

Outros dois policiais militares foram mortos ontem no Rio. Em Cabo Frio, na região dos lagos, o cabo Luciano da Silva Coelho trabalhava como segurança de um estabelecimento comercial, em seu horário de folga, quando foi baleado, durante uma tentativa de roubo.

O sargento Maurício Chagas Barros foi atingido durante uma incursão na Favela Gogó da Ema, em Belford Roxo, na Baixada Fluminense. Seu corpo será sepultado nesta quinta-feira (22), às 13h30, no Cemitério Jardim da Saudade, em Sulacap, na zona oeste da cidade do Rio.

Fonte: Agência Brasil.

VER COMENTÁRIOS

Artigos relacionados