RACISMO

Entidades pedem o afastamento de diretora acusada de racismo no MA

A diretora Helenita Rita Souza não possui mais condições de continuar à frente da escola municipal professora Augusta Maria...

A diretora Helenita Rita Souza não possui mais condições de continuar à frente da escola municipal professora Augusta Maria Costa Melo, em São José de Ribamar.

A unidade de ensino ganhou destaque na mídia estadual após um aluno de oito anos não conseguir concluir a matrícula por conta do cabelo estilo black power. De acordo com as “normas” da escola, para conclusão da matrícula, o menino deveria cortar o cabelo.

O caso foi parar na delegacia. Os pais do menino registraram um boletim de ocorrência acusando a diretora de ter sido racista. A diretora da escola negou a acusação.

Em uma matéria da TV Difusora a diretora confessa que pediu aos pais para cortarem o cabelo da criança “social”.

A atitude da diretora foi condenada por órgãos de defesa da cultura negra, que classificaram a postura da escola como racista.

Secretaria de Estado da Igualdade Racial disse por meio de sua secretaria adjunta que o caso trata de uma manifestação de racismo que ainda está impregnada na nossa sociedade.

Veja matéria da TV sobre o caso:

https://youtu.be/Rc3weJdU9-E

VER COMENTÁRIOS

Artigos relacionados