GREVE CONTINUA

Caminhoneiros permanecem em bloqueio em 4º dia de protesto em rodovias no Maranhão

No quarto dia de protesto de caminhoneiros pela alta nacional do óleo diesel trechos de rodovias federais permanecem bloqueadas no Maranhão. Os...

No quarto dia de protesto de caminhoneiros pela alta nacional do óleo diesel trechos de rodovias federais permanecem bloqueadas no Maranhão. Os atos foram iniciados na segunda-feira (21).

Na manhã desta quinta-feira (24), os caminhoneiros bloquearam o Km 5 da BR-135 situado no bairro Maracanã na zona rural de São Luís. No local, eles ocuparam as duas pistas e apenas veículos de carga não estão podendo trafegar. A Polícia Militar acompanha a manifestação a fim de evitar qualquer tumulto durante o ato dos caminhoneiros.

Em Imperatriz, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) informou que o grupo de caminhoneiros bloqueou o Km 246 da BR-010, em Cidelândia foi interditado o Km 299,5 da BR-010, em Estreito foi bloqueado nesta quinta o Km 131 da BR-010. Já na cidade de Balsas foram bloqueados os Kms 396 e 406 da BR-230. Em Caxias os caminhoneiros bloquearam o Km 544 da BR-316. Em São Domingos do Azeitão o Km 216 da BR-230 foi interditado e em Grajaú o Km 413 da BR-226 foi bloqueado pelos manifestantes.

Segundo a Agência Nacional do Petróleo, do Gás Natural e dos Biocombustíveis (ANP), o preço médio do diesel nas bombas já acumula alta de 8% no ano. O valor está acima da inflação acumulada no ano, de 0,92%, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

VER COMENTÁRIOS

Artigos relacionados